Produção Cervejeira e Segurança Alimentar são novas opções de graduação EAD no Brasil

Unicesumar lança cursos inéditos e amplia portfólio em EAD com 11 novos cursos de graduação e seis de pós-graduação

A Unicesumar, um dos dez maiores grupos privados de ensino superior do país, ampliou o número de cursos de graduação oferecidos em seus 400 polos de Educação a Distância no Brasil. A partir desde mês, onde inicia o processo seletivo para o ano letivo de 2019, a Unicesumar passa a oferecer 51 opções de cursos de graduação.

São oito novos cursos de graduação, sendo um de Bacharelado (Psicopedagogia), quatro de Licenciatura (Sociologia, Filosofia, Artes Visuais e Ciências Biológicas) e três de Tecnólogo (Produção Cervejeira, Segurança Alimentar e Segurança Privada).

“Preparamos uma seleção de cursos inovadores, que estão convergentes com o futuro das profissões no mundo. Alguns deles são inéditos”, destaca Janes Fidelis Tomelin, pró-reitor executivo de ensino da Educação a Distância da Unicesumar. Os cursos tecnólogos de Segurança Alimentar e Produção Cervejeira, são os primeiros em EAD do Brasil.

Além das novas graduações, a Unicesumar passa a oferecer seis novos cursos de pós-graduação: Governança Corporativa e Gestão Estratégica; Coaching com Ênfase em Mentoring para Gestão de Pessoas; Inovação e Gestão de Conteúdos para a Economia Criativa; MBA em Inovação e Criatividade no Ambiente Empresarial; MBA Executivo em Economia Criativa, Cultura e Inovação; e MBA em Marketing, Criatividade e Inovação.

Com as novidades para 2019, a EAD Unicesumar passa a oferecer mais de 150 diferentes opções de cursos em graduação e pós-graduação. Entre os diferenciais metodológicos, materiais didáticos produzidos pelos próprios professores, com recursos de realidade aumentada, games interativos, entre outros.

Hoje, um em cada cinco estudantes matriculados no ensino superior estuda a distância, de acordo com o Censo da Educação Superior 2017 divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Segundo os dados, as matrículas da EAD cresceram 17,6% de 2016 para 2017, chegando a quase 1,8 milhão em 2017, o que representa 21,2% do total de matrículas em todo o ensino superior. Isto justifica também o aumento no número de cursos no país. De 2016 para 2017, passaram de 1.662 para 2.108, o que representa uma elevação de 26,8%, maior índice desde 2009.

Novidades na área de alimentos e bebidas

Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) houve um crescimento de 37,7% em cervejarias artesanais registradas no país no último semestre.  Em 2017, foram mais de 500 registros, de acordo com o Instituto de Cervejas do Brasil. “Atender a esta demanda e manter o segmento em ritmo crescente exige profissionais qualificados. Pensando nisso, propomos um curso também como oportunidade para quem quer empreender neste segmento”, conta Kátia Coelho, diretora de graduação e pós-graduação EAD da Unicesumar.

A área de alimentos e bebidas também apontou que era preciso mais. Com as crescentes políticas públicas na área da Segurança Alimentar, desde a criação da Lei 11.346, em 2006, a Segurança Alimentar é um dos assuntos mais importantes para quem atua no segmento de alimentos, seja uma indústria, um restaurante ou um quiosque de café. Considerado um tema de alcance mundial, ele passa a ser ofertado, agora, na EAD.

De olho na docência

O crescimento da EAD também impulsionou o número de professores formados por meio desta metodologia.  Segundo os dados do Censo da Educação Superior, em 2016, cerca de 42,1% das matrículas em licenciaturas eram a distância. Este percentual passou para 46,8% no ano passado. Hoje, as licenciaturas representam 19,3% das matrículas no ensino superior.

Por isso, a Unicesumar também ampliou sua oferta de cursos na área da Educação e Licenciaturas. Numa época em que comportamento politico e a opinião pública são essenciais, as Licenciaturas em Sociologia e em Filosofia, por exemplo, vêm contribuir com a compreensão sobre a atualidade, trazendo conhecimento e reflexão. “É preciso entender como o conhecimento se deu no passado e se dá no mundo moderno, não apenas com base em conceitos, mas na aplicabilidade, focada na realidade e no mercado atual”, esclarece Katia Coelho.

É este mercado que tem integrado as artes dentro das escolas, especialmente após a aprovação da nova Base Nacional Curricular, e aberto ainda mais espaço para a atuação dos licenciados. “Nas Artes Visuais, por exemplo, já se destaca quem entende e trabalha a arte e as novas mídias, entendendo e adaptando o conhecimento frente a esta nova relação”, conta a diretora. Ainda segundo ela, o mesmo acontece para os licenciados em Ciências Biológicas, que precisam ir para além dos laboratórios com animais jurássicos. “A prática de ensino depende da inovação, exigindo o uso das metodologias ativas também nesta área da biologia”, completa.

Mas todas as mudanças do mundo moderno também precisam de compreensão, desenvolvimento e acompanhamento de profissionais capacitados. “Não adianta viabilizarmos o acesso a um mundo de novidades, se não soubermos lidar corretamente com elas para nos desenvolver”, pondera Katia.

Foi dessa necessidade que a Unicesumar decidiu investir no bacharelado em Psicopedagogia.  Como identificar problemas nos métodos de ensino, nos currículos escolares ou, até mesmo, nas relações pessoais? De que forma contribuir com o sistema educacional, realizando intervenções em busca de reduzir casos de evasão escolar? Ou, ainda, como melhorar a assimilação dos conteúdos e a performance dos funcionários? Essas são as perguntas para as quais o psicopedagogo precisa estar preparado para dar respostas à sociedade.

Segurança privada

Segurança é, hoje, uma das principais pautas nacionais no Brasil. Pensando nas necessidades e desafios do país com segurança patrimonial, operação e controle de proteção, gestão e patrulhamento de escolta, segurança pessoal e executiva, a Unicesumar decidiu iniciar o curso tecnológico em segurança privada a partir de 2019.

Deixe uma resposta