CFF realiza passeio à Fazenda Gospel

Neste sábado, 19/08, os alunos dos 7° e 8° anos, pais e professores do Colégio Frei Francisco realizaram um passeio à Fazenda Gospel (Guaraciaba do Norte-CE) em comemoração à vitória alcançada pela Equipe Elite Junina em ocasião do projeto junino desenvolvido pela escola. Os participantes visitaram ainda a Floricultura Reijers, num passeio no qual a cumplicidade e a diversão foram marcantes. É por isso também que esta é mais do que uma escola, é um lugar para ser Feliz.

Colégio Frei Francisco – Excelência na Educação.

Escola Artur Gonçalves: Uma escola em constante movimento no município de Lagoa de São Francisco – PI

A Unidade Escolar Artur Gonçalves de Sousa, da rede estadual de ensino situada no município de Lagoa de São Francisco – PI vem surpreendendo a cada ano que passa pela idealização de atividades que envolvem o alunado.

No começo do segundo semestre letivo de 2017, a direção juntamente com os professores decidiram começar de forma diferente. Visando a integração, sociabilização, aprendizado, desenvolveram dois grandes projetos.

Professores Francisco Maranhão e Jeferson

Os Projetos Multidisciplinares foram: “Amostra Interativa e Interdisciplinar” realizado na primeira semana e Atividade Física e Saúde na segunda semana.

O projeto Atividade Física e Saúde iniciou-se com uma palestra focando a importância da atividade física para a prevenção e manutenção da saúde, terminando com um grande interclasse com a participação de oito equipes. A classificação ficou assim:

1º lugar ADMINISTRAÇÃO
2º lugar EJA 6°etapa
3º lugar Informática

O interclasse foi organizado pelo professor Francisco Maranhão.

Time campeão do interclasse

CULMINÂNCIA NA TARDE DE SEXTA FEIRA (18/08/17). APROVEITE E CONHEÇA A ESTRUTURA DA ESCOLA

(CLIQUE NA FOTO PARA AMPLIAR A IMAGEM).

CONFIRA MAIS FOTOS DOS PROJETOS

Coordenação de Posto de Saúde convida a Polícia Civil para uma roda de conversa com às famílias

Famílias atendidas pela Unidade Básica de Saúde do Bairro São João, UBSF 06, participaram de uma roda de conversa com a presença de uma equipe da Polícia Civil composta pelo titular do 2º Distrito Policial, delegado de polícia Dr. Ricardo Oliveira, escrivão João Paulo e agente de Polícia Civil Sérgio Ricardo. O tema educação e saúde abordou sobre o combate ao uso de drogas e prevenção.

A articuladora do evento foi a enfermeira Lya Raquel através da iniciativa das agentes comunitárias de saúde que sentiam a necessidade de reunir mães e jovens do bairro, dando ênfase aos males causados pelo vício e a importância da família. O encontrou aconteceu no dia 11/08. Segundo ela, a escolha do tema foi pela necessidade da comunidade, “pois é um tema que aflige várias famílias, levando os jovens a alta descoberta”, disse.

O delegado de Polícia Civil, Dr. Ricardo Oliveira, esclareceu com sabedoria e clareza as dúvidas da comunidade, considerando como de muita importância essa oportunidade, ressaltando que a ideia foi excelente, sugerindo que deveria acontecer em outras unidades, visando aproximar a polícia da sociedade e esclarecimento de dúvidas.

Logo após a roda de conversa foi oferecido um lanche para todos presentes.

“A comunidade agradeceu o apoio de toda delegacia de Polícia Civil de Piripiri, onde fui muito bem recebida e apoiaram a nossa causa”, destaca a enfermeira Lya Raquel.

Polícia Militar de Brasileira com apoio da Força Tática capturam irmão que tirou a vida do outro com duas facadas

O Grupamento da Polícia Militar – GPM de Brasileira composto pelo sargento Everaldo e cabo Souza com apoio da Força Tática conduziram para o Complexo de Delegacias de Piripiri, agora a noite, o ajudante de serviços Marcos Antônio Mendes da Silva, vulgo Marquinhos, 24 anos, suspeito de tirar a vida do irmão de nome Roberto, com duas facadas na região do tórax. O episódio aconteceu na casa da família no Bairro Estação, durante uma bebedeira, por volta das 16h. Segundo ele, bebiam Velho Barreiro e a discussão ocorreu por causa de som. Segundo a polícia, ele já tem passagem pela polícia. O corpo já está no necrotério do hospital regional Chagas Rodrigues. A Polícia Civil está fazendo o procedimento.

Prefeitura acaba com lixão a céu aberto em Piripiri e cria aterro controlado

O que antes era um lixão a céu aberto agora passa a ser um aterro sanitário, seguindo as normas de segurança e higiene. O local, administrado pela empresa Conserve, passou a sepultar todos os resíduos sólidos da coleta de lixo em Piripiri.

O senhor Valdeci Vieira, um dos responsáveis pelo lugar, explica a situação dos catadores de lixo que lá se encontram, em condições insalubres, rasgando sacolas e revirando o lixo.

“Estamos desenvolvendo um trabalho sério, onde recebemos um lixão a céu aberto e estamos transformando num aterro controlado. Na parte interna do aterro se encontra um grupo de pessoas que fazem parte de uma cooperativa de Piripiri, pessoas que trabalham na reciclagem já alguns anos. O problema é que esta reciclagem está sendo feita de forma errada, onde rasgam as sacolas de lixo dentro do aterro. Já tivemos diversas reuniões com a Prefeitura e o Ministério Público onde está sendo feita uma conscientização do pessoal da cooperativa de que forma daremos continuidade a este trabalho. A Prefeitura tem total interesse na existência da cooperativa, pois aumenta a vida útil do aterro. Mas a reciclagem precisa ser feita de forma responsável e correta, com cuidados ao meio ambiente. É preciso que haja uma identificação na área comercial da cidade de quem são os grandes geradores, quem gera o material reciclável, para que se faça uma segregação e de lá se direcione esse material para fins comerciais para o pessoal da cooperativa, em local apropriado. Local este que já está sendo feito um estudo junto com membros da Prefeitura e pessoal da cooperativa. Então não existe discurso que a prefeitura esteja expulsando nenhum catador. O que existe é um trabalho correto, de forma responsável e com a dignidade para aquelas pessoas que se encontram no aterro”, disse Valdeci.

Na manhã de hoje um grupo de pessoas liderados por uma ex-vereadora tentou entrar no lugar para criar um fato político, polemizar sobre um tema resolvido entre as partes competentes. Nunca se preocuparam com as condições insalubres das pessoas que ali fazem a coleta de lixo e muito menos buscaram melhorias para o local.

Em audiência no Ministério Público, no dia 18 de abril, foi acordado que os catadores ficarão exercendo seus trabalhos no prazo de até 6 meses e após esse prazo serão criados mecanismos para que haja a coleta fora do aterro controlado.

ATA DA AUDIÊNCIA NO MINISTÉRIO PÚBLICO

Saúde de Piripiri estrutura Unidades Básicas de Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde de Piripiri nos últimos dias tem estruturado algumas unidades básicas do município. Foram comprados inúmeros equipamentos como aparelhos de ar-condicionado, compressores, autoclaves, estetoscópios, sonar, cadeiras, longarinas, mesas, armários e todo material para a estruturação que vai permitir o bom funcionamento das unidades básicas de saúde.

Importante lembrar que em janeiro a situação da saúde municipal era caótica. Veículos quebrados, postos sem cadeiras para dentista, aparelhos amarrados com luvas, dentre outros problemas.

Nesta primeira etapa as unidades de saúde que receberam reestruturação foram as UBS 04 e 21 (Paciência), UBS 17 (Fonte dos Matos), UBS 08 (Germano), além de Caps II e Caps AD.

“Nós estamos, na medida do possível, trabalhando incansavelmente pra poder montar essas unidades básicas de saúde para que a população possa ser atendida da forma que ela merece. Em sete meses já melhoramos muita coisa, mas devido a situação que encontramos o município ainda há muito a ser feito. Não descansaremos um segundo para normalizar todos os serviços de saúde em Piripiri”, destacou Letícia Carvalho, superintendente da secretaria municipal de saúde.

Município quita dívida e garante 500 cotas do Programa Seguro Safra 2017/2018

O prefeito municipal Luiz Menezes assinou ontem, 14, uma ordem de 500 cotas para inscrição dos Agricultores Familiares do Município de Piripiri no Programa Garantia Safra referente a produção (safra) do ano agrícola 2017/2018.

O ato foi presenciado pela secretária municipal de desenvolvimento rural, Yanca Laryssa, secretário municipal de planejamento, José Neto e representantes do Emater, Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e Sindicato dos Trabalhadores (as) Rurais – STTR.

A solicitação da adesão foi encaminhada a Secretaria de Desenvolvimento Rural do Piauí na pessoa do secretário Matias Cabral para que a gestão do município de Piripiri forme um conjunto de ações para o fortalecimento da agricultura familiar.

Isso só possível após o pagamento de aproximadamente 42 mil reais provenientes de um débito deixado pela ex-gestão referente ao seguro do ano passado, o que impossibilitava garantir os recursos do programa aos agricultores. A secretária Yanca Laryssa levou a situação para o prefeito Luiz Menezes que mesmo diante da escassez de recursos parcelou o débito e garantiu a reabilitação do programa para os trabalhadores.

“É importante dar uma tranquilidade maior ao homem do campo. Estamos positivando o trabalho e a melhoria de vida do homem do campo”, esclarece o prefeito Luiz Menezes.

A secretária Yanca Laryssa disse que teve conhecimento desse débito e procurou logo regularizar a situação. “Encaminhamos ao prefeito e ele com a prontidão dele pagou o débito, além de três parcelas de 14 mil reais para poder aderir ao ciclo 17/18 e caso não fosse pago, a gente estaria fora novamente”, explica.

O Garantia-Safra (GS) é uma ação do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) inicialmente voltada para os agricultores e as agricultoras familiares localizados na região Nordeste e outras regiões do Brasil.

Os agricultores que aderirem ao Garantia-Safra (GS) nos municípios em que forem verificadas perdas de, pelo menos, 50% do conjunto da produção de feijão, milho, arroz, mandioca, algodão, ou outras culturas definidas pelo órgão gestor do Fundo Garantia-Safra, receberão o benefício Garantia-Safra.