Luciano vai intensificar a educação integral e empreendedora

Dentre as propostas para melhorar a qualidade da educação no Estado, em caso de vitória na eleição, o candidato a governador do Piauí pelo PSDB, Luciano Nunes, vai implantar três projetos de longo alcance social: o Educa Bem, o Futuro no Presente e o Aprender Fazendo.

Com o Educa Bem, o tucano quer ampliar e fortalecer o ensino de Educação Integral em todo o Estado.  O Aprender Fazendo tem por meta implantar Centros Regionais de Educação Empreendedora; já com o Futuro no Presente, a ideia é trabalhar a requalificação e a modernização de escolas estaduais em todo o Piauí.

Luciano Nunes explica que, além de recursos da arrecadação própria, o dinheiro para criar e manter os programas vem do FNDE e de outras fontes do MEC, através de transferências constitucionais obrigatórias.

O tucano vislumbra uma nova forma de ensino trazendo a educação para o centro das ações e atenções. “Nosso desafio inclui a universalização da Educação Básica dos 4 aos 17 anos, com a colaboração entre todos os entes federados na direção da ampliação do aprendizado e também na efetiva ampliação da escolarização. Supõe também políticas de acesso, permanência, redução da distorção idade-série de escolaridade e intersetorialidade, com ênfase na redução das desigualdades, ampliação das oportunidades aos estudantes mais carentes e respeito às diversidades”, enfatiza o candidato.

MAIS INFORMAÇÕES

Campo Largo recebeu Luciano Nunes com uma grande caminhada e carreata

O candidato ao governo do Estado, Luciano Nunes, foi recebido por uma multidão na cidade de Campo Largo, no Norte do Estado. O candidato tucano esteve neste domingo (09) na cidade, onde foi recebido pelo prefeito Rômulo Aécio, que declarou apoio à candidatura de Luciano Nunes. No município, Luciano caminhou pelas ruas da cidade e participou de uma grande carreata.

“Muito boa essa recepção na cidade de Campo Largo. Esse apoio fortalece a nossa caminhada e nos motiva a trabalhar cada vez mais pelo Piauí. Cumprimos uma agenda intensa no Norte do Estado esse fim de semana, e por onde andamos, ouvimos muita reclamação sobre falta de segurança. Estivemos em Nossa Senhora dos Remédios, Matias Olímpio, Batalha, Esperantina, Porto e em todas essas cidades ouvimos queixas sobre falta de segurança, assaltos. Portanto, queremos levar uma segurança de verdade para o povo, reimplantar o Programa Ronda Cidadão para fazer um policiamento mais ostensivo nas cidades, bem como aumentar o efetivo das polícias, para assim garantirmos uma maior sensação de segurança aos piauienses”, disse Luciano Nunes.

Luciano esteve ontem também em Porto. Na cidade, o vereador Aluísio Vaz passou uma série de demandas do município para o candidato, especialmente na área da saúde. “Aqui no nosso hospital não temos centro cirúrgico, não temos salas de raio X, precisamos de algumas especialidades médicas como ortopedia e ginecologia. Precisamos também de asfalto na nossa cidade, da conclusão da ponte que liga o nosso município à cidade de Miguel Alves. E acreditamos que o Luciano Nunes como governador nos atenderá nessas demandas que o nosso povo tanto necessita”, falou o vereador.

Esse final de semana, além de Campo Largo e Porto, Luciano Nunes esteve em Nossa Senhora dos Remédios, onde visitou o mercado da cidade, em Matias Olímpio, Luzilândia, Madeiro e Batalha. Hoje, o candidato cumpre agenda em Teresina.

Luciano vai dobrar o efetivo de policiais militares e civis no Piauí

Uma das maiores reclamações da população piauiense, a falta de segurança, é uma das prioridades da gestão de Luciano Nunes como governador e uma das novidades que ele propõe é o estabelecimento do cumprimento de metas para os policiais. A medida, que será implantada juntamente com a duplicação do efetivo, terá como consequência imediata a aproximação entre a polícia e a comunidade.

“A ação estratégica deverá estar orientada para melhorar as condições de atuação, com fixação de metas das polícias militar e civil e do corpo de bombeiros, para mantê-los cada dia mais próximos dos cidadãos, nos bairros das maiores cidades e nas sedes dos municípios” enfatiza o candidato tucano.

Ele declarou que vai reimplantar o Programa Ronda Cidadão e criar o Programa Estadual de Requalificação e Modernização das Forças de Segurança, voltado para dar plenas condições de funcionamento e resolutividade às estruturas existentes como quartéis, batalhões, grupamentos, delegacias, distritos e institutos.

Vai também reconstituir os efetivos das polícias Militar e Civil e do Corpo de Bombeiros, cuidando de melhor capacitação e realizar um planejamento operacional das estruturas de segurança de modo a reduzir a criminalidade urbana e rural, a sensação de insegurança, prevenir a violência entre jovens e ampliar os serviços de inteligência e tecnologia no setor.

“Para alcançar esses objetivos vamos ampliar os mecanismos de prevenção primária à violência, iluminar e ocupar as áreas que tenham histórico de violência com ações agregadoras, lúdicas e de lazer e promover o reaproveitamento dos espaços públicos, reformando-os para contemplar bairros com áreas para esporte e atividades culturais, além de urbanizar territórios sem uso para reduzir o isolamento” enfatiza o candidato.

Luciano Nunes afirma que Governo gasta mal com a saúde pública do Piauí

O candidato ao Governo do Piauí, Luciano Nunes, destacou em debate no Sindicato dos Médicos do Piauí (SIMEPI) que os gastos do Governo do Estado com saúde não são eficientes, pois  a saúde do Piauí está mal, as pessoas não tem atendimento, os hospitais não tem resolutividade e sobrecarregam a rede municipal de saúde de Teresina, justamente pela ineficiência do gastos.

“Esse governo está gastando muito e gastando mal. A eficiência do gasto é fundamental para o sucesso de qualquer administração. Ter eficiência no gasto é ter planejamento estratégico, é saber o que é que tem que ser feito e executar bem aquilo que está planejado, é reestruturar os hospitais regionais, melhorar as condições físicas, é valorizar os profissionais para atender bem a população, isso é que é eficiência. Nossa gestão será eficiente, com planejamento estratégico, metas estabelecidas, e com cobrança de resultados. Hoje todos os serviços públicos estão sendo mal avaliados e a culpa está indo para o servidor, quando na verdade a responsabilidade é da gestão”, disse Luciano Nunes.

Durante o debate, que contou com ausência do governador Wellington Dias, foram tratados assuntos como valorização e manutenção da carreira médica, interiorização da saúde, oferta de saúde integral e de qualidade para a população, controle interno e transparência dos gastos públicos, bem como a situação do Plamta e Iaspi.

“O debate nos deu a oportunidade de nos aprofundarmos nas grandes questões da saúde do Piauí, que passa por sérios problemas. Não temos resolutividade nos hospitais do interior do Estado, precisamos agir rapidamente para resolver os problemas das pessoas e minimizar o sofrimento. Lamentamos a ausência do governador, que era quem deveria ser questionado pelos problemas da saúde do Piauí, prejudicou o debate não tê-lo aqui para responder sobre as grandes questões, porque a saúde do Piauí anda muito mal”, afirmou Luciano.

Luciano destacou ainda o seu compromisso em construir quatro Hospitais de Urgência no Piauí, sobre a importância da realização de concurso público para a área, da transparência nos gastos e de uma gestão moderna e eficiente. “Precisamos de uma gestão eficiente, moderna, técnica, com planejamento estratégico, controle do gasto público, punição de desvios, sabemos que é na saúde que tem os maiores desvios porque tem o maior orçamento, combater a corrupção. Esse é o nosso compromisso para fazer a saúde pública do Piauí”, enfatizou.

Moradores de Barras reclamam de insegurança na cidade

Na manhã de quinta-feira (06) o deputado e candidato ao governo estadual, Luciano Nunes, realizou caminhada com lideranças políticas e comunitárias de Barras. Estiveram também presentes Robert Rios (candidato ao senado federal) e Marden Menezes (candidato à deputado estadual). Luciano ouviu queixas da população quanto à um tema, até pouco tempo, raro: insegurança no interior.

“Todo dia tem gente sendo roubada, loja sendo assaltada e até coisa pior. Não tínhamos isso aqui no interior. A coisa foi crescendo aos poucos até chegar o que é agora. E não sabemos nem a quem recorrer. Quase não tem polícia e a pouca que tem não dá conta”, reclamou seu Ananias Barreto, comerciante aposentado de Barras.

“Precisamos e vamos fazer com que o piauiense se sinta seguro novamente. Fazendo com que a polícia se integre à comunidade novamente. A reimplantação do projeto Ronda Cidadão será uma meta do meu governo”, disse Luciano.

Luciano destaca em Esperantina que fortalecerá microempreendedorismo na região

O candidato Luciano Nunes segue fortalecendo sua candidatura pelo Norte do Estado. Na tarde desta quarta-feira o candidato visitou a cidade de Esperantina, onde participou de uma animada caminhada junto com os deputados Marden Menezes, Átila Lira e lideranças políticas da região. Luciano participou ainda de uma reunião que contou com a adesão de vereadores e líderes comunitários do município.

Em Esperantina, reafirmou o compromisso de ajudar a região e o microcomércio que movimenta a cidade. “Esperantina é uma das principais cidades do Norte do Estado. Não pode ficar de fora dos grandes investimentos do governo. Quando for governador trarei incentivo ao pequeno empresário. Uma cidade movimentada pelo comércio não pode ver tantas portas sendo fechadas pela inércia do governo”, afirmou o candidato.

Luciano destacou ainda que o incentivo ao microempreendedorismo será fortalecido na sua gestão. “É injusto o Piauí ter tantos pequenos e microempresários fechando suas portas por conta da alta taxa de juros. Nossa obrigação será diminuir esses encargos para esse empreendedor poder respirar e a economia do Estado respirar junto”, enfatizou o candidato.

Nesta quinta, pela manhã Luciano segue no Norte do Estado, onde participa de uma caminhada pelo centro comercial de Barras. À noite, o candidato participa de debate no Sindicato dos Médicos do Piauí.

Luciano Nunes afirma que valorização do servidor será prioridade no seu Governo

Valorizar para avançar e transformar o Piauí. Esse é o propósito do candidato ao Governo do Estado, Luciano Nunes, no que diz respeito aos servidores públicos estaduais. Em suas propostas de governo, a qualificação do servidor, restruturação dos planos de trabalho das categorias profissionais, serão prioridades para o funcionamento de forma eficiente da máquina administrativa.

Segundo Luciano Nunes, o concurso público será a porta de entrada possível no serviço público estadual, devendo ser orientado prioritariamente às áreas fins e áreas meios dos serviços estatais. “Faremos uma busca incessante de eficiência no uso dos recursos disponíveis e eficácia dos resultados da gestão. Portanto, a realização de concurso público norteará a contratação de pessoal no nosso governo”, afirma.

Disseminação do mérito em todas as atividades, qualificação, promoção, implantação e revisão de Plano de Cargos, Carreiras e Salários das categorias profissionais, recuperação do poder de compra da remuneração dos servidores são algumas ações que deverão ser implantadas por Luciano Nunes.

“Fui secretário de Administração da Prefeitura de Teresina e implantei o Plano de Cargos, Carreiras e Salários de várias categorias na gestão municipal. Foi também durante minha passagem pela Secretaria de Administração que foi implantado o Programa Servidor Universitário, que deu a oportunidade de ingresso no ensino superior aos servidores municipais. Fui também presidente da Escola do Legislativo Wilson Brandão, da Assembleia Legislativa, onde ofertamos diversos cursos de extensão e pós-graduação para servidores e a comunidade em geral. Portanto, quero levar essa experiência administrativa e essa política de valorização profissional também para o Governo do Estado”, destacou Luciano Nunes.

Deixe uma resposta